Emilia Clarke fala sobre sua poderosa cena final em Game of Thrones

Emilia Clarke fala sobre sua poderosa cena final de Game of Thrones
Daenerys Targaryen (Emilia Clarke) acrescentou mais um feito espetacular em sua história no último episódio de Game of Thrones, “Book of the Stranger” (leia a crítica aqui). Ela não só escapou dos seus captores Dothraki, como botou fogo na casa e nos brindou com mais uma cena épica em que ela sai incólume do meio do fogo. Primeira temporada feelings…

Claro, a gente esperava que Dany fosse escapar do confinamento no Vaes Dothrak de alguma forma, mas a previsão mais comum era imaginar que Jorah (Iain Glen) e Daario Naharis (Michiel Huisman) teriam algo a ver com isso, ou Drogon. Os dois ajudaram, claro, mas a saída inventada por Dan Weiss e David Benioff foi muito mais poderosa e marcante.
Emilia Clarke descreveu a cena em entrevista ao Entertainment Weekly. “É muito emocionante, de fazer formigamento no corpo. A cada temporada eu recebo pelo menos um momento arrepiante. Eu simplesmente me levanto e digo, ‘Eu estou ouvindo o que vocês todos estão falando, mas o engraçado é que vou matar todos vocês'”.
DB Weiss, co-criador da série, também falou sobre a cena. “Isso é o que é mais divertido sobre isso. Você sabe a partir da primeira temporada que isso é o ‘super-poder’ dela, mas não é realmente esse tipo de história. É quase como a revelação que ela tinha quando Jorah e Daario vieram resgatá-la. Ela diz tipo, ‘Espera, eu posso fazer uma coisa que nenhuma dessas pessoas pode fazer e agora que eles dois podem me ajudar, eu posso usar isso a meu favor’. É uma solução muito simples, um plano onde você pode usar três pessoas para eliminar dezenas de uma forma muito dramática por apenas acender o fogo e ficar lá esperando”.
E tirando a liderança Dothraki e mostrando seu poder aos seus seguidores, a rainha de Meereen potencialmente ganhou um exército ainda maior. “Ela sabe que essa é a peça que faltava”, diz Emilia. “Os Dothraki são a peça que faltava em sua equipe – ela é aparentemente indestrutível ao ter os Dothraki do seu lado”.

E antes que qualquer suposição seja feita sobre a cena, há algo que Emilia quer que todos sabem. “Eu quero relembrar às pessoas que a última vez que tirei minhas roupas foi na terceira temporada. Isso foi há um bom tempo. Agora é a sexta temporada. Mas foi tudo eu, toda orgulhosa, toda forte. Estou me sentindo genuinamente feliz em dizer ‘Sim’, não é nenhum corpo de dublê!”
A produção teve o cuidado de filmar a cena em um “set fechado” privado em Belfast, enquanto o resto da cena com os atores Dothraki foi gravado num set construído em deserto na Espanha. Emilia disse que assim foi melhor do que quando Dany teve a roupa queimada na primeira temporada. “Tirar a roupa não é a coisa mais fácil, mas com a mafia dos efeitos, eu não tive que fazer como na primeira temporada e ir para um penhasco gravar. Eu estou no controle”.
E depois de ver a cena pronta há alguns meses, David Benioff, co-criador de GoT, disse: “Emilia simplesmente arrasou. É uma daquelas cenas estranhas porque metade foi gravada em Belfast e metade foi na Espanha. Mas, em grande parte por causa de seu desempenho, funciona de forma brilhante”.

 

Por que Emilia está sendo pró-ativa e aberta sobre seus sentimentos sobre a nudez da cena? A atriz Oona Chaplin uma vez falou que uma atriz da série não gostava de fazer cenas de nudez. Ela não disse que era, mas muitos imaginaram que se tratava de Emilia. Então, ano passado, um tabloide afirmou que Emilia falou que não gostava de fazer cenas de sexo. A atriz usou seu Instagram para falar do assunto na época.
“É difícil ser mal interpretada e é bom ter algo como o Instagram para falar a verdade. Quantas vezes o ator Michiel Huisman foi perguntado sobre o fato de que ele tirou a roupa um monte de vezes? Isso chega a ser uma discussão? Não. Então eu estou fazendo isso esse ano e as pessoas podem falar sobre isso, e eu estou pronta para responder quaisquer perguntas sobre o assunto, basicamente”.

Confira a crítica sobre o episódio 6×04 – “Book of the Stranger”